Paróquia realiza reunião sobre Segurança no bairro de Casa Amarela


Na quinta-feira, dia 01 de outubro, aconteceu no salão paroquial da igreja Bom Jesus do Arraial, uma reunião com os representantes da Polícia Militar de Pernambuco sobre a falta de segurança que vem ocorrendo no bairro de Casa Amarela. Estiveram presentes na mesa, o padre Josivan Sales, o gerente da SDS (Secretaria de Defesa Social) Ary Siqueira, Major Hailton, gerente da CTTU Jorge Lima, delegado de Casa Amarela Gilmar Rodrigues e o Tenente Fernando que é responsável pela patrulha na área. Estiveram presentes na platéia, além da comunidade, diversas ONGs e a deputa Elena Carreiro que participaram da reunião onde puderam fazer críticas e perguntas as autoridades militares.

O Professor Sérgio Carvalho, diretor da escola estadual Governador Carlos de Lima Cavalcanti, iniciou a reunião falando sobre o fórum SOS Casa Amarela, que nasceu da necessidade de moradores de tentar congregar pessoas para debater e conseguir melhorias em termos de segurança para o bairro. O SOS que já existe há dois anos e meio tem realizado vários fóruns na escola Carlos de Lima e na --- as irmãs salesianas com representantes de vários grupos a fim de diminuir o problema da violência no bairro e apontar melhorias.

O gerente da Secretaria de Defesa Social, Ary Siqueira, afirmou que é lamentável a situação da violência no estado e que a SDS e o Governo do Estado estão trabalhando para amenizar essas questões. O gerente também pediu que as pessoas acreditassem, colaborassem mais com a polícia e não tenham receio de denunciar essas pessoas que agem de má fé com a sociedade. Para que o órgão possa agir de forma mais rápida na detenção dos infratores.

O Major Hailton, que é comandante responsável pelo 13° Batalhão, apontou algumas estatísticas em relação aos homicídios que vinha ocorrendo no bairro de Casa Amarela, ele afirmou que no bairro até setembro foram registrados 15 homicídios em 2008, esse ano quatro foram registrados, e até setembro de 2008 foi reduzido para 42% o registro de roubo com base em registro de dados. Com a chegada de novos policiais, o bairro foi contemplado com a ampliação de patrulhas na Rua Padre Lemos, na Estrada do Arraial e nas proximidades do Sítio da Trindade.

O Delegado Gilmar Rodrigues falou sobre os arrombamentos que aconteceram recentemente no bairro e apreensão do grupo e pediu para a população ajudasse a prender esses bandidos que atormentam o bairro, basta ligar e denunciar, mas se isso não acontecer o delinqüente irá continuar agindo. “Ou a gente dá às mãos e trabalha junto, polícia e comunidade, ou não terá resultado”, afirmou o delegado de Casa Amarela. Ele também deixou o número de contato para que a comunidade pudesse entrar em contato direto com ele.

Jorge Lima, Gerente da CTTU, também conversou um pouco sobre o trânsito, falando que a companhia trabalha em função de solicitações e que a diretoria está sempre aberta para as solicitações da comunidade. Onde cada sugestão será analisada para melhorar o tráfego.

Após ouvir os representantes da Polícia Militar, o microfone foi aberto para a comunidade, que criticou a segurança no Estado e fez perguntas sobre o atual problema. Onde o gerente da SDS, Ary Siqueira, afirmou que irá analisar cada ponto citado e no prazo de uma semana irá reavaliar os pontos mais críticos e mapeá-los para fornecer a população mais segurança.

Comentários