quinta-feira, 22 de outubro de 2009

A SOCIEDADE E O (DES)RESPEITO AOS IDOSOS

Priscila Krause*

A sabedoria que só a idade traz ainda é pouco valorizada em nossa sociedade. Hoje em dia, o culto à juventude tende a fazer com que pessoas de mais de 60 anos sejam tidas como cidadãos de segunda – quiçá terceira – categoria. Uma aberração, tendo em vista que é na curva da maturidade para a velhice que a pessoa atinge a plenitude intelectual e, do alto de uma vida inteira, distingue o certo do errado, o bom do ruim, o verdadeiro do falso. Nada além da idade pode fazer isso a um ser humano.

E que sociedade é essa que negligencia justamente aqueles que poderiam guiá-la? É uma sociedade doente, que não percebe que o idoso tem direito não só a tratamento digno no dia-a-dia mas também a um reconhecimento por tudo que produziu, pela experiência e sabedoria que acumulou ao longo dos anos.

O fato de ser jovem não me fecha os olhos para essa obviedade, muito pelo contrário: me torna cada vez mais consciente do muito que tenho a aprender com as pessoas que já trilharam um caminho muito mais longo que o meu. Por isso mesmo entendo que resgatar a dignidade do idoso, principalmente para que seu dia-a-dia seja mais tranqüilo e menos atribulado, é uma tarefa a ser defendida por aqueles que acreditam em uma sociedade melhor.

Encaminhei à Câmara de Vereadores do Recife um projeto de lei que prevê a prioridade de atendimento para os idosos – bem como portadores de deficiência ou de doenças graves – em processos e demais procedimentos administrativos que estejam em tramitação na esfera municipal. Uma iniciativa que visa fazer justiça a quem merece atendimento especial em praticamente todos os estabelecimentos, mas que ainda têm suas pendências “emperradas” quando se trata da administração municipal. Trocando em miúdos, a medida é uma extensão de um benefício que já existe no âmbito federal para funcionários públicos.

É uma medida simples e que, sendo aprovada, vai virar lei municipal que beneficiará as pessoas com mais de 60 anos. Uma iniciativa de quem tem plena consciência do valor que tem uma vida repleta de realizações.

Priscila Krause é jornalista e vereadora do Recife pelo DEM
www.blogdepriscila.com.br

Nenhum comentário: